Friday, September 08, 2006

Duende

Abraço tua Alma num voo
Olhando para a Lua pousada na asa.
Caminho pelos dedos das penas
Tocando o pousio da tua mão.
Atravesso a silhueta das velas
Ao contemplar-te nos meus braços.
Sim..Olho para a Lua...
Sim...Olho para ti...
Quero-te enrolada
No ardor do frasco
Derramando pétalas de essência...
Perfume da ternura de laços...

2 comments:

missixty2000 said...

Passaste de crisalida, a borboleta em pleno voo. As tuas asas cada vez estão mais belas.
Está lindoooooooo!

timtinha said...

Adorei!!!
Para mim, este é o melhor. Parece que fizeste uma limpeza à alma (ou à essência, escolhe).
Continua assim, vais ver que tudo te vai parecer mais bonito, melhor.
beijo