Friday, December 05, 2008

Feit

Quando a manta chega junto das estrelas do inferno, importa sentir o permanecer dos uivos incessantes, mergulhos de palpitações vibrantes. Não é qualquer Ser, não é qualquer folha de fumo da natureza, nem o raio fulminante que do acordar do alvorecer sabe o seu ardente gemer; será somente a virgem das purezas loucas a permanecer na cinta da vitrina recolocando pós no socalco dos remoinhos.

Espalhadas vertigens são trilhos dos viajantes...
Colheita de pó feita pelo véu...
Colheita de sementes feito pelas folhas...
Espalhado odor mistura a Alma...

“A vida é queimar perguntas” Antonin Artaud

8 comments:

Alisson da Hora said...

"Quando a manta chega junto das estrelas do inferno, importa sentir o permanecer dos uivos incessantes, mergulhos de palpitações vibrantes."

Dante estava certo. O último círculo do Inferno é de gelo. E não é qualquer um que suporta os gritos glaciais...

=) adoro o Artaud!

abraços

Surdina said...

Queimam-se as velas, fecham-se as janelas. É solene. Sopra-se em frente almejando acertar no deserto de palavras que devia dizer...
Um silencio de promessas enche-me os ouvidos, sendo um só e não tão pouco um que tal de vez em vez queda-se, preparando-se para o que há-de vir!
Saindo da voz da tormenta, tomo o gosto da diferença. Sou eu... apenas eu.

Gothicum said...

"Viver é a coisa mais rara do mundo. A maioria das pessoas apenas existe."
(Oscar Wilde)

Abraços.

witch said...

:)

E já que partilhamos o Antonin Artaud...


(...)"esse silêncio triturado de pensamentos que existe entre os membros de uma frase escrita"(...)


Kisss...

bat_trash said...

É dificil bancar o herói e vencer satã só com orações.


Bat-Kiss.

DarkViolet said...

Alisson da Hora:

O gelo consegue ser um toque de ardor vibrante; tão forte que pode ser o próprio inferno. Chegar as vertigens desse último círculo pode ser inalcansável ou sem retorno


Surdina:

Das profundezas do teu Ser deves-te sentir. Se o rasgo for um deserto de pós, esses ecoaram com a leveza do descontrolo. Ao ser o que é, deveria o invisivel esconder algo mais brilhante...um tormento a seguir a outro


Gothicum:

Existe, permanece...quando chega o vento, nem um feitiço pode ser questionado na sua incerteza


witch:

Quando se tritura uma frase já é um tormento. quando se mutila com um sopro uma palavra, torna-se um desejo de loucura permanente


bat_trash:

Se as orações forem as perguntas, pratica-se entao as acções para puder chegar outra vez às perguntas

MagnetikMoon said...

"A virgem das purezas loucas" é bruxa sábia no caminho que percorrem as nuvens de cristal...

Magnetikiss;)

DarkViolet said...

MagnetikMoon:

As velas são teias de pincéis, onde as virgens loucas sabem se apoderar dos socalcos. Em cada pergunta feita enigmas serão encontrados em formas de cristais