Tuesday, July 28, 2009

Notas de Galhos

Existe um corredor nas entranhas da loucura, próximo do patamar da eclosão, onde cada Ser mergulha suas vestes na pele retorcida. Até se ouve o despir das sensações no recanto do arrepio com a viagem nublada como plano de fundo. A entoação perfilada na mão dos desconhecidos pode provocar a fuga dos pincéis para o resguardo labiríntico da tela. O estado invisível é transparente à nota, sucumbe e dá ao esboço o monumento da versatilidade. Por isso cada momento das pétalas cabe aos galhos o destilar do néctar.
Abraçai sempre as vossas essências...

Galeria de Manoel Soares de A. Neto - Pássaro nos Galhos

10 comments:

Isaura Pereira said...

Boa noite ;)

Em primeiro obrigado pela visita no meu cantinho e pelas belas palavras ....

As suas notas de hoje são marcantes ... tal como a de todos os outros dias ... nunca deixe de partilhar aquilo que escreve que é fenomenal ;)

Jocas

Gothicum said...

...a nossa essência é única! Sabes que a perfeição foi produzida através do Caos primordial ( onde estavam as Essências misturadas). Talvez um dia encontraremos a que falta, a perfeita, a única...A 5 Essência!

Até lá...continuaremos a viver a carne que nos transporta fisicamente!

Abraço!

Blizard Beast said...

Belas viagens provocadas pelas tuas palavras com uma musica de fundo simplesmente perfeita para o que nos é oferecido para ler.

A. Reiffer said...

Gostei de teu blog, muito expressivo.

Aмbзr Girℓ ⅞ said...

seu blog é um pouco de tudo que é belo. diria que uma sinestesia.

Blog Suicide Virgin

DarkViolet said...

Isaura Pereira:

As notas nunca tem fim, evoluem. A partilha do néctar da essência era o que cada Ser deveria fazer


Gothicum:

Tem lógica esse tipo de evolução, a partir do caos cria-se uma certa ordem de construção. Mas também a perfeição pode ser um tédio, há necessidade das fronteiras estarem um pouco destabilizadas para a união do interior se torna um fluxo intenso de pureza. Não se deve exagerar muito da carne...


Blizard Beast:

Ouvir os galhos ao som das notas, a mistura para enlouquecer o Ser, o vaguear contínuo da criatividade ou tentativa dela


A. Reiffer:

Metafórico...


Aмbзr Girℓ ⅞:


Acaba sim por ser uma sinestesia do qual pretendo ir muito mais além dos sentidos

VANUZA PANTALEÃO said...

Boa noite, Darkviolet!
Essências nuas causam temores e tremores aos despreparados. Estou certa que alguns estão temerosos com uma nudez exposta em meus simples versos...
Farei sei link, meu amigo. Aprecio muito a sua página.
Beijos!!!

DarkViolet said...

VANUZA PANTALEÃO:

A nudez mais exposta é a da Alma quando ela transpira de pureza. A escrita é uma das locomotivas

MagnetikMoon said...

Essa "pele retorcida" é canto profundo, melodia incessante a pregar luzes nas cortinas;corropio de escalas musicais para temperar o senso de gotejar alegria e sabor na Alma, o mais importante.

Magnetik*

DarkViolet said...

MagnetikMoon:

A loucura abraça sempre a essência, escadaria das notas para que as mãos sejam encaminhadas sempre para o toque da pureza. Caminhar no estado visível do Ser, dificil tarefa